ELITE PRÉ-VESTIBULAR e COLÉGIO CAMPINAS – Inscrições para vestibular da UFRGS começam no dia 15 de outubro; provas são de 6 a 9 de janeiro

Inscrições para vestibular da UFRGS começam no dia 15 de outubro; provas são de 6 a 9 de janeiro

Atualizada:04 de Outubro/2018

Fonte: G1

As inscrições para o vestibular 2019 da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) começam à meia-noite de 15 de outubro, e vão até 23h59 de 12 de novembro, somente pelo site da universidade. As provas acontecem entre 6 e 9 de janeiro de 2019, nas cidades de Porto Alegre, Bento Gonçalves, Imbé e Tramandaí. No ano passado, mais de 32 mil pessoas se inscreveram para o vestibular.

O valor da inscrição é R$ 125, mesmo do ano passado, e o pagamento do boleto deve ser efetuado até o 13 de novembro. Os candidatos que solicitaram isenção ou desconto de 50% também devem se inscrever normalmente. São disponibilizados computadores para realização das inscrições na Comissão Permanente de Seleção (Coperse), na Rua Ramiro Barcelos, 2574 – Portão K – bairro Santa Cecília, Porto Alegre, de segunda a sexta-feira (exceto feriados), das 9h às 17h.

São oferecidas 4.017 vagas – mesmo número do ano passado – distribuídas em 90 cursos de graduação gratuitos. Este número representa 70% do quantitativo oferecido para 2019. Os outros 30% serão preenchidos via Sistema de Seleção Unificada (SiSU). A UFRGS reserva metade das vagas de todos os cursos para egressos do Sistema Público de Ensino Médio.

A universidade salienta que o candidato deve ter atenção ao preencher o formulário de inscrição, pois algumas opções efetuadas neste momento não poderão ser alteradas posteriormente. Aqueles que necessitem equipamentos médicos ou de atendimento diferenciado durante as provas devem realizar uma solicitação específica após a confirmação da inscrição e enviar o formulário e a documentação comprobatória até 16 de novembro.

Provas em janeiro

As provas serão aplicadas entre os dias 6 e 9 de janeiro de 2019, às 8h30. A duração é de 4h30. O conteúdo programático está disponível no Manual do Candidato, divulgado a partir do dia do início das inscrições, 15 de outubro, no site. A lista de leituras obrigatórias para a prova de Literatura já foi divulgada.

  • Dia 6: física, literatura em língua portuguesa e língua estrangeira moderna
  • Dia 7: língua portuguesa e redação
  • Dia 8: biologia, química e geografia
  • Dia 9: história e matemática

Os candidatos aos cursos de Artes Visuais, Música e Teatro devem, ainda, prestar provas de Habilitação Específica, que serão realizadas entre 25 e 29 de novembro. A data, o horário e o local das provas específicas serão confirmados individualmente por meio do Portal do Candidato. Inscrições, modalidades de ingresso, cursos, vagas e todas as informações sobre o Vestibular estão disponíveis no edital.

Ingresso por ações afirmativas

Na inscrição, o candidato também deve optar por uma das modalidades de ingresso, que pode ser por acesso universal (no caso de ampla concorrência) ou reserva de vagas (ações afirmativas). As modalidades de ingresso dentro do sistema de reserva de vagas deverão ser comprovadas durante a matrícula e são as seguintes:

a) modalidade L1 - candidato egresso do Sistema Público de Ensino Médio com renda familiar bruta mensal igual ou inferior a 1,5 salário mínimo nacional per capita;

b) modalidade L2 – candidato egresso do Sistema Público de Ensino Médio com renda familiar bruta mensal igual ou inferior a 1,5 salário mínimo nacional per capita, autodeclarado preto, pardo ou indígena;

c) modalidade L3 - candidato egresso do Sistema Público de Ensino Médio independentemente da renda familiar;

d) modalidade L4 - candidato egresso do Sistema Público de Ensino Médio independentemente da renda familiar, autodeclarado preto, pardo ou indígena;

e) modalidade L9 - candidato egresso do Sistema Público de Ensino Médio com renda familiar bruta mensal igual ou inferior a 1,5 salário mínimo nacional per capita que seja pessoa com deficiência;

f) modalidade L10 – candidato egresso do Sistema Público de Ensino Médio com renda familiar bruta mensal igual ou inferior a 1,5 salário mínimo nacional per capita, autodeclarado preto, pardo ou indígena e que seja pessoa com deficiência;

g) modalidade L13 - candidato egresso do Sistema Público de Ensino Médio independentemente da renda familiar que seja pessoa com deficiência;

h) modalidade L14 - candidato egresso do Sistema Público de Ensino Médio independentemente da renda familiar, autodeclarado preto, pardo ou indígena e que seja pessoa com deficiência.

A documentação comprobatória de renda será relativa ao grupo familiar, e o cálculo é sobre o salário mínimo nacional, no valor de R$ 954 para este concurso. Os candidatos que optarem por concorrer nesta modalidade de cota, se classificados, devem comprovar que a renda familiar bruta mensal per capita não ultrapassa o valor de R$ 1.431 no período especificado no edital.

Os classificados na modalidade de cotas para pretos, pardos e indígenas deverão confirmar a autodeclaração étnico-racial presencialmente à Comissão Permanente de Verificação, que fará a verificação fenotípica do candidato.

Para as pessoas com deficiência, o laudo médico deve ser completo e contemplar umas das deficiências: física, auditiva, visual, intelectual, transtorno do espectro autista ou deficiência múltipla, de acordo com a legislação vigente.

Fonte:

www.g1.globo.com

siga o elite

  • Horários de atendimento:

  • (19) 3251 1012
  • Segunda a Sexta: 8h às 21h
  • Sábados: 8h às 15h

Rua Luís Otávio, 2535, Mansões Santo Antônio - Campinas - SP