ELITE PRÉ-VESTIBULAR e COLÉGIO CAMPINAS – Brasil tem duas universidades entre as cinco melhores da América Latina em ranking internacional

Brasil tem duas universidades entre as cinco melhores da América Latina em ranking internacional

Atualizada: 23 de Outubro/2019

Fonte: G1

USP e Unicamp ficaram na segunda e na quinta colocação, respectivamente; pelo terceiro ano consecutivo, universidade chilena manteve o primeiro lugar, depois de superar as duas paulistas.

O Brasil é o único país com duas universidades na lista de cinco melhores no Ranking QS de Universidades da América Latina 2020, divulgado nesta quarta-feira (23) pela consultoria britânica Quacquarelli Symonds (QS). As instituições paulistas Universidade de São Paulo (USP) e Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) ficaram na segunda e na quinta colocação, respectivamente.

Pelo terceiro ano consecutivo, a Pontifícia Universidade Católica do Chile encabeçou a lista, que avaliou a qualidade de 400 universidades do latino-americanas.

Das cinco melhores universidades deste ano, a chilena e as duas brasileiras são as únicas que também se mantiveram no topo nas edições anteriores, segundo os dados dos últimos quatro anos divulgados no site da consultoria.

Veja abaixo como evoluíram as posições de cada uma das cinco melhores colocadas na edição de 2020 do ranking QS:

Metodologia

O ranking QS para a América Latina incluiu neste ano instituições de 20 países diferentes e, segundo a consultoria, tem como objetivo "colocar uma lente sobre o desempenho das universidades em uma região caracterizada por universidades de pesquisa cada vez mais ambiciosas que buscam contribuir com as economias do conhecimento de suas nações".

Para fazer a avaliação das instituições, a consultoria britânica usa oito critérios diferentes, sendo que os dois principais são a "reputação acadêmica" e a "reputação de empregabilidade" de cada universidade representam 50% da pontuação total.

Nesse segundo critério, a QS diz ter ouvido quase 45 mil empregadores em todo o mundo sobre a qualidade dos funcionários que estudaram em cada uma. A Pontifícia Universidade Católica do Chile foi a primeira colocada. Já a USP ficou no primeiro lugar do critério "artigos por professor", mas recebeu menos pontos nesse ano quando o assunto é a empregabilidade.

Lista de fatores avaliados no ranking

O Brasil no ranking

O Brasil também é o país com mais representantes tanto no "top 10" (três instituições) quanto no "top 20" (com sete universidades). Chile e Colômbia vêm atrás, com duas e quatro universidades nas duas listas, respectivamente. De todas as 400 universidades, 94 são brasileiras. (veja mais nas listas abaixo).

No entanto, na divulgação do ranking, a QS ressaltou que o grande número de instituições do Brasil na lista deve-se mais ao tamanho do país do que à pontuação delas. Segundo a consultoria, 57 das 94 brasileiras caíram no ranking, e apenas 27 subiram.

Além disso, Ben Sowter, diretor de pesquisa da QS, afirmou que "76 das 94 universidades ranqueadas do país tiveram queda na pontuação do indicador de 'reputação da empregabilidade'". Ele diz ainda que o Brasil "é um dos menos internacionalizados de toda a OCDE e países parceiros".

As 20 melhores universidades da América Latina

  1. Pontifícia Universidade Católica de Chile - CHILE
  2. Universidade de São Paulo (USP) - BRASIL
  3. Tecnológico de Monterrey - MÉXICO
  4. Universidade dos Andes - COLÔMBIA
  5. Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) - BRASIL
  6. Universidade Nacional Autônoma do México (UNAM) - MÉXICO
  7. Universidade de Chile - CHILE
  8. Universidade de Buenos Aires (UBA) - ARGENTINA
  9. Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) - BRASIL
  10. Universidade Nacional de Colômbia - COLÔMBIA
  11. Universidade Estadual Paulista (Unesp) - BRASIL
  12. Universidade de Concepção - CHILE
  13. Universidade de Santiago de Chile (USACH) - CHILE
  14. Universidade de Antioquia - COLÔMBIA
  15. Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio) - BRASIL
  16. Pontifícia Universidade Javeriana - COLÔMBIA
  17. Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) - BRASIL
  18. Pontifícia Universidade Católica do Peru - PERU
  19. EMPATE: Universidade de Costa Rica - COSTA RICA e Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) - BRASIL

As universidades brasileiras no top 100

  • 2º) Universidade de São Paulo (USP)
  • 5º) Universidade Estadual de Campinas (Unicamp)
  • 9º) Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)
  • 11º) Universidade Estadual Paulista (Unesp)
  • 15º) Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio)
  • 17º) Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
  • 19º) Universidade Federal do Rio Grande Do Sul (UFRGS)
  • 22º) Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)
  • 29º) Universidade de Brasília (UnB)
  • 30º) Universidade Federal de São Paulo (Unifesp)
  • 32º) Universidade Federal do Paraná (UFPR)
  • 35º) Universidade Federal de São Carlos (UFSCar)
  • 45º) Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
  • 51º) Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP)
  • 51º) Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj)
  • 54º) Universidade Federal Fluminense (UFF)
  • 55º) Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS)
  • 60º) Universidade Federal do Ceará (UFC)
  • 77º) Universidade Federal de Viçosa (UFV)
  • 78º) Universidade Federal da Bahia (Ufba)
  • 79º) Universidade Federal de Pelotas (UFPel)
  • 81º) Universidade Federal do Rio Grande Do Norte (UFRN)
  • 86º) Universidade Estadual de Londrina (UEL)
  • 87º) Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
  • 92º) Universidade Estadual de Maringá (UEM)
  • 93º) Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)
  • 97º) Universidade Federal de Goiás (UFG)

Em setembro, a revista THE, que também elabora rankings internacionais, divulgou um ranking mundial no qual a USP se mantinha na primeira colocação entre as brasileiras, seguida da Unicamp.

Fonte: G1

siga o elite

  • Horários de atendimento:

  • (19) 3251 1012
  • Segunda a Sexta: 8h às 21h
  • Sábados: 8h às 15h

Rua Luís Otávio, 2535, Mansões Santo Antônio - Campinas - SP